Uma tarde em Puno

Quando chegamos de volta a Puno, a tarde já ia um pouco alta, e mal tí­nhamos comido qualquer coisa durante a manhã. O café da manhã do hotel, por sua vez, era bem menos interessante do que o nosso costume no Brasil… Ou seja, a fome já estava “atacando”… 😆 O ônibus mal nos deixou no hotel e já voamos pra rua de novo, em busca de um restaurante gostoso onde almoçar.

No dia anterior, durante o nosso passeio pela Calle Lima, tí­nhamos visto diversos restaurantes muito simpáticos, e resolvemos dar um crédito ao La Casona, não só pelo preço e localização (a fome era grande mesmo…), mas porque achamos muito pitoresco o fato de ele ser um “restaurante-museu”… 😉 O restaurante é realmente uma graça – uma antiga casa, dividida em vários ambientes, todos decorados com peças tí­picas da região. Na parte onde ficamos havia um fogão daqueles antigos, a lenha, que acabou fazendo as vezes de aquecedor – muito bem vindo naquele frio danado…

img_1184.jpg

Mas a melhor parte da nossa ida ao La Casona foi a sobremesa: uma massa de bizcocho, enrolada como um rocambole, e recheada com sorvete… Eu queria sorvete de lucuma, uma frutinha tí­pica do Peru, mas não tinha – tive que me contentar com sorvete de creme mesmo… 😥 Mas não estou reclamando, não, estava uma delí­cia!

img_1186.jpg

Logo depois do almoço, seguimos direto para o Mercado de Artesaní­a de la Terminal Lacustre. O mercado é enorme – são várias e várias aléias, com “lojinhas” de todos os tipos de artesanato, da cerâmica à tecelagem. Os preços são inacreditáveis!!! Na época eu estava montando a minha casa, e tive vontade de comprar de tudo: toalhas de mesa, panos de prato, jogos americanos, vários tapetes, objetos de decoração… Como a possibilidade de fretar um caminhão de mudanças para trazer as minhas compritchas para casa era remota, me contentei com alguns joguinhos americanos… 😆 Só pra dar uma idéia dos precinhos fabulosos, um jogo americano de 4 peças me custou 10 soles, cerca de R$ 6,00.

img_1187.jpg

img_0096.jpg

img_1188.jpg

À noite, resolvemos experimentar outro restaurante da Calle Lima que tinha chamado a nossa atenção no dia anterior, o El Fogón – bingo, mais uma vez! Com o frio que fazia, nada como um lugar aconchegante, bem aquecido e decorado com bom gosto…

img_1191.jpg

img_1190.jpg

Nem nos importamos de comer pizza mais uma vez, já que essa era a especialidade do lugar… 😉

img_1192.jpg

Terminamos a noite cedo, com uma curta caminhada de volta ao hotel – no dia seguinte tí­nhamos que chegar ao aeroporto de Juliaca bem cedinho para tomar o nosso vôo para Cuzco, que sairia às 08:00 da matina… Sairia, bem entendido, mas esse já é um outro capítulo dessa novela… 😉

Atualização: Ôpa, não é que eu me confundi aqui? O vôo de Juliaca a Cuzco transcorreu sem problemas… A novela se deu mesmo foi na ida de Cuzco para Lima – vou prorrogar um pouquinho então o clima de suspense… 😛

15 thoughts on “Uma tarde em Puno

  1. Pingback: Idas e Vindas – Viagens e Aventuras » Bolívia e Peru – o índice da viagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *