Entre um passeio e outro…

A cada vez que vou a Buenos Aires se torna mais difí­cil dar conta de tudo o que eu gostaria de fazer por lá… Parece contraditório, mas na verdade não é, não… O que ocorre é que, além de rever lugares que já visitei e onde gostaria de ir de novo, a cada nova viagem eu tenho uma lista de outros lugares que gostaria de experimentar. Na prática, isso significa que, enquanto eu não passar um mês inteirinho lá, vou continuar correndo atrás do prejuízo…

Em termos de restaurantes, então, a situação se complica muití­ssimo!!! Eu não tenho o hábito de almoçar E jantar – costumo almoçar OU jantar. Se almoço normalmente, à noite faço apenas um lanche; caso tenha planos para o jantar, procuro um almoço mais levinho. Mas Buenos Aires é o paraí­so dos restaurantes deliciosos a preços bem acessí­veis – o que se traduz em mais uma razão para passar muitos e muitos dias por lá de modo a poder experimentar um a cada dia…

Boa parte dos restaurantes mais recomendados da cidade se concentra em Palermo, um bairro que eu, particularmente, não aprecio. Mesmo assim, não deixo de ir até lá, nem que seja uma única vez a cada passagem pela cidade, para conferir ao menos um restaurante. Gostaria muito de ter bastante disposição para voltar ao bairro várias vezes e experimentar vários – mas confesso que me dá uma preguiça daquelas, e acabo ficando por outras paragens mesmo, como a minha velha e amada Recoleta…

Dessa última vez, o meu eleito para a experimentação foi o Social Paraiso, uma dica antiga da Sylvia e dos Destemperados. O restaurante é uma ótima pedida para o almoço, e eu aproveitei que estava pelos Bosques de Palermo para ir conferir.

SocialParaiso1

SocialParaiso2

As fotos acima foram retiradas do Guia Oleo, o melhor guia de restaurantes de Buenos Aires. Pelo site dá pra escolher um restaurante pelo tipo de culinária, pela localização, pelo preço, enfim, é uma tremenda ajuda para o turista faminto… 😉 Claro que o turista brazuca não pode deixar de conferir também as dicas dos Destemperados para Buenos Aires…

Nosso almoço foi fabuloso – pedimos uma entradinha leve e um belo prato de massa. Os sorrentinos estavam deliciosos…

IMG_3570

Uma outra dica que fui conferir foi a Brasserie Petanque, em San Telmo. Essa também não tinha como dar errado – foi uma dica do Riq, testada e aprovada não só pela Emí­lia, mas também pelo Alexandre e pela Graziella. (Aliás, a Emí­lia escreveu um post sobre o restaurante, como convidada do Brincando de Chef – vale conferir!) E como confiamos no bom gosto dessa turma, a Mari e eu combinamos que o nosso almoço após a Feira de San Telmo seria lá.

IMG_3393

Nós três (a Tia Célia também estava lá, claro!) passamos momentos super gostosos – o almoço estava ótimo, o vinho, uma delícia, e já estávamos antecipando uma degustação de sobremesas daquelas… 😉

IMG_3392

Boa parte das nossas refeições, entretanto, foram feitas em alguns lugares favoritos que sempre deixam saudades – um desses é o La Caballeriza de Puerto Madero, onde nós três tivemos um encontro memorável com a Majô e a Bia. Aliás, a Majô fez lá no Filigrana uma cobertura espetacular dos encontros deliciosos que aconteceram naqueles dias que passamos em Buenos Aires em julho – é só clicar para garantir a diversão!

IMG_3397

Sempre que vou ao La Caballeriza acabo pedindo o mesmo prato – não é falta de criatividade, não! É saudade mesmo – é nisso que dá ir a um restaurante uma única vez por ano!!! Peço o maravilhoso bife de lomo – não sou muito fã do bife de chorizo, acho o lomo mais macio e saboroso – acompanhado das deliciosas papas provenzales, as batatinhas com ervas finas da foto…

No mesmo dia (vejam só que comilança!) fomos tomar o chá da tarde no L’Orangerie do Hotel Alvear. A Majô fez um post completí­ssimo sobre o hotel também, com fotos lindas.

IMG_3407

Ah, que saudade dos maravilhosos sanduichinhos de pan de miga… E dos docinhos, então!!! (Pena que esqueci de fotografar as trufas!!!)

IMG_3409

Um restaurante básico, mas bem localizado e que muito me agrada é o La Strada, na Recoleta. Fica bem atrás do cemitério, bem próximo à entrada do Village Recoleta. É um restaurante despretensioso, mas que tem pizzas e massas super gostosas, e um atendimento muito rápido e atencioso, ou seja, uma pausa perfeita para um almoço rápido entre um passeio e outro, ou para um jantarzinho perto de casa – para quem, como eu, gosta de se hospedar na Recoleta e tem preguiça de ir a Palermo…

IMG_0679

Meu prato favorito é um penne mediterraneo, com molho de tomate e legumes – leví­ssimo e saboroso!

Mas a sobremesa é daquelas que agradam aos chocólatras – uma degustação de quatro tipos de chocolate… Me dá água na boca só de lembrar!

IMG_3418

Como esses, há muitos outros restaurantes deliciosos em Buenos Aires – é uma terra maravilhosa para aqueles que apreciam a boa mesa!

Fica uma dica importante: é bacana conferir dicas alheias, mas é ainda mais bacana arriscar novos lugares e ter dicas para passar aos outros!!! Se vocês quiserem compartilhar as de vocês comigo, eu não só agradeço como vou procurar rapidinho uma desculpa para voltar a Buenos Aires e testá-las!!! 😉

255 thoughts on “Entre um passeio e outro…

  1. Olá. Estou começando a conhecer teu blog. Parabéns! Muito bacana. Quero te recomendar um bar/cafe excelente em Buenos Aires, que poucos brasileiros conhecem. Chama-se Hermanos Cao ou Bar de Cao. É freqüentado só pelos locais e serve uma enorme variedade enorme de tábuas deliciosas. Fica num antigo armazém que era despacho de bebidas. O endereço é Independencia 2400.

  2. Ah, e lembrei também de uma confeitaria que é simplesmente um palácio, um show para os olhos e o paladar. Las Violetas, na Rivadavia com Medrano.

  3. Prezada Carla,
    Estou viajando para Buenos Aires em Julho e será a primeira vez que eu e meu marido visitaremos a cidade. Indicaram-me seu blog para pesquisar os lugares para visitar e aonde me hospedar. Como a viagem durará dez dias, me interessei bastante em alugar um apartamento por lá. Gostaria de saber se o esquema é realmente confiável, qual imobiliária é a melhor de se trabalhar e quais são as tais taxas que pagamos além do valor do aluguel.
    Parabéns pelo seu blog e desculpe-me por estar abusando de sua preciosa experiência portenha.
    Um grande abraço,
    Renata
    Belo Horizonte – MG

  4. Renata, a minha experiência particular com aluguel de apartamentos é limitada – eu mesma só aluguei uma única vez. Entretanto, conheço várias pessoas que também alugaram, e várias outras fizeram comentários favoráveis à experiéncia aqui no blog. Assim, me parece que o sistema é bastante seguro, sim.

    Sobre as imobiliárias, mais uma vez, eu só trabalhei com a BytArgentina, assim como várias das pessoas que comentaram aqui. Isso não significa que seja a única confiável – apenas que a nossa amostragem foi limitada.

    Em relação às taxas, pode ser que variem de uma empresa para outra. Na Byt, paguei US$ 45 pela reserva, não-reembolsáveis, e deixei um depósito no valor de 1 semana de aluguel, devolvido na hora do check-out.

  5. Oi Carla
    Gostei muito das tuas dicas sobre BA, porém com estou indo para lá pela primeira vez em junho, gostaria de saber qual o valor médio de gastos com alimentação, em restaurantes como estes que voce indica.
    E, ainda, eles aceitam cartão de crédito?
    Obrigada.

  6. Teresinha, eu estive em Bs.As. pela última vez em julho do ano passado, então já não tenho muita referência de preços para te dar, porque a inflação lá está meio alta… Sugiro que você consulte o Guia Oleo, http://www.guiaoleo.com . Eles não apenas têm boas resenhas dos restaurantes, como também os classificam por faixa de preço. Quanto aos cartões de crédito, praticamente todos os lugares aceitam, não se preocupe!

  7. Olá Carla, “olha eu aqui de novo -“, lembra, né?. Estou, diria, numa fase final da preparação da lua-de-mel e cheguei na parte da escolha dos hoteis. Minhas duas grandes dúvidas são: o hotel de Buenos Aires e de Montevideu, já que o de colonia e de punta já escolhi, com sua ajuda (oculta!). Meu grande desafio é conciliar uma decoração com cara de lua-de-mel, boa localização e preço acessível. Difí­cil? Talvez, mas tenho esperanças… tenho feito muito uso da ferramenta Trip Advisor, que conseguiu até agora me tirar de futuras enrascadas…

    Abraços.

  8. Murilo, eu sou totalmente parcial em relação a Montevidéu – ficaria no Cala di Volpe sem pensar duas vezes. Ele já não está tão barato quanto há 2 anos, quando eu fui, mas eu cotaria na Al Uruguay e no Asia Rooms e tentaria de todas as formas encaixar no orçamento. Sobre Buenos Aires, o que você já viu? Que localização está buscando? E até quanto pagaria de diária?

  9. Ok Carla. Tinha já olhado seu apaixonante post do Cala di Volpe e já havia me interessado, mas o preço (…) já não tá mais como antes mesmo. Só me tira uma dúvida: em dúvida anterior vc havia dito que o Ibis fica distante, mas acabei vendo que o site indica que o hotel fica a 05 minutos do centro, isto é real? sendo real, não dá, caso o Cala di Voipe fique aquém do tamanho do meu bolso, para ficar nele e pelo menos garantir um preço baixo e a garantia da qualidade já conhecida? Será que o baixo custo de locomoção para o centro não compensa a distancia? E o bairro é ruim mesmo, perigoso, feio ou é aceitável?

    Assim, insisto na pergunta (já me sinto à vontade com vc!), considerando a proximidade em relação ao centro que vporque a região do ibis em montevideu

  10. Ah, Murilo, se eu fosse para Montevidéu em lua-de-mel eu cacifaria o Cala di Volpe sem pensar duas vezes – principalmente se a comparação fosse com o Ibis!!! Pode ser chatice minha, mas eu não dou o meu aval para alguém passar a lua-de-mel para um hotel impessoal como o Ibis de jeito nenhum… 😉

    Como eu te disse, eu não faria a reserva pelo site do hotel (lá a diária está a US$ 110 o quarto duplo), mas tentaria baixar esse valor pela Al Uruguay. Eu acho o Ibis completamente fora de mão – ele fica em uma das ramblas menos movimentadas, não há nada de interessante nas imediações. Se é perigoso eu não sei, não conheço a cidade o suficiente. Mas essa história de ficar a 5 minutos do centro me parece exagero: talvez de táxi, em um horário sem trânsito.

    Além disso, vocês iriam para um centro de cidade à noite, por exemplo, para jantar?!? A favor do Cala di Volpe está não só o charme do hotel, mas a localização maravilhosa, em um bairro residencial super gostoso para caminhar, com vários restaurantes agradáveis a uma curta distância a pé, o próprio shopping Punta Carretas atrás do hotel… Não tenho dúvidas de que o Ibis é mais barato – mas será que vale a pena economizar essa diferença e trocar um ambiente bonito e charmoso para a sua lua-de-mel por um apenas “aceitável”?

  11. Carla, sou teu fã Estou convencido. Montevideu, o Cala di Volpe.

    Argentina, penso em ficar no Recoleta ou Parlemo ou Florida porque ouvi que estes bairros são bons. Vi fotos da Recoleta e achei supercharmoso. Você tem sugestão de localização?

    Sobre o preço do Hotel, receio para o barato não estragar a lua-de-mel. Já li uns depoimentos assustadores no Trip Advisor.com. Além do que vou passar 05 noites em buenos aires, o que exige que o hotel seja perfeito (não é 01 ou 02 noites, né). Por outro lado, não posso pagar fortunas por isso (quem casa, quer casa e gasto!).

    Vi alguns hotéis, no antigo site do Riq (VT), recebi algumas indicações da operadora de turismo. Algumas decorações achei pouco romântica. Você tem sugestão de hotéis…

    Abraços…

  12. Hahaha… Depois dessa, vou ver se o Cala di Volpe me dá umas diárias grátis… 😆 E, Murilo, pode acreditar: a sua noiva vai me agradecer por ter te convencido a ficar no Cala di Volpe! 😉

    Em Buenos Aires, se vocês não conhecem a cidade, escolha a Recoleta: é um bairro charmosérrimo, elegante, residencial e muito bem localizado. A região da Florida não é ruim, mas é comercial demais – e voltamos ao ponto principal: nada de centro de cidade em lua-de-mel, né? Nada a ver… Já Palermo é mais indicado para quem já conhece Bs.As. e curte esse bairro especificamente – é meio contra-mão para turistar.

    A única vez em que me hospedei em hotel na Recoleta foi no Park Elegance Kempinski – tem post sobre ele aqui no blog. É um hotel tradicional, clássico, com quartos imensos! Na outra vez aluguei um apartamento, o que foi bem legal, e é um ótimo custo-benefício para 5 noites… Peça ao seu agente de viagens hotéis na Recoleta especificamente, e vamos trocando idéias!

  13. 🙂 Pode deixar que vou fazer sua propaganda no hotel (Cala di Volpe). Vou lançar aqui minha proposta de viagem, com os hotéis quase escolhidos para você fazer sua avaliação. Vou acrescentar o valor da primeira cotação. Ainda não é definitiva, pois a agência vai negociar. Se puder dar sua contribuição.
    Todos os valores são para o casal.

    PORTO ALEGRE – 06/12/2009 – 07/12/2009

    GRAMADO – 07/12/2009 – 12/12/2009

    A estadia no Brasil vou contratar pelo tí­tulo da BancorBrás

    BUENOS AIRES – 12/12/2009 – 17/12/2009
    Hotel Design CE – 05 noites – US$ 726,00 (unanimidade, muito bom!!)
    Hotel Bristol – 05 noites – US$ 508,00 (mais clássico e antigo!!)

    COLONIA – 17/12/2009 – 18/12/2009
    Hotel Posada Del Virrey – 01 noite – US$ 110,00

    MONTEVIDEU – 18/12/2009 – 20/12/2009
    Qual? Qual? Qual?
    Hotel Cala di Volpe Boutique Hotel – 02 noites – US$ 220,00
    Este Valor é pelo site do Hotel, pois a resposta do Al Uruguay é que ainda não há preços disponíveis para esta época.

    PUNTA DEL ESTE – 20/12/2009 – 22/12/2009
    Hotel Days Inn Brava – 02 noites – US$ 200,00

    Você já ficou no San Marcos – acho que ficaria no mesmo preço do Days Inn, o que você acha, qual dos dois é melhor?

    É isto.

  14. Murilo, vocês consideraram a opção do apartamento em Buenos Aires? Acho que vocês conseguiriam um apê muito legal na Recoleta por mais ou menos US$ 350 a semana – sai a metade do que te ofereceram por hotéis para 5 noites… Dá uma espiada na BytArgentina: http://www.bytargentina.com . Sobre os hotéis, o Design CE parece mesmo um espetáculo; mas a localização é apenas razoável… Já o Bristol, na minha opinião, fica em um lugar péssimo, em plena Cerrito, centrão de cidade, eu descartaria… (Não agüento essa mania dos operadores brasileiros de só trabalhar com hotéis no centro de Buenos Aires – o centro está decadente há uns 20 anos!)

    Sobre o Cala di Volpe, talvez eles te façam uma reserva informal direto no hotel, vale conferir. E aí­, se a Al Uruguay tiver preços melhores, você cancela a reserva direta. O Asia Rooms também tinha bons preços para o Cala di Volpe, você chegou a ver?

    Em Punta, não conheço o Days Inn Brava, mas não recomendo muito o San Marcos, não… Amei a localização, mas achei o hotel meio velhinho, meio acabado. Gostei da aparência do La Capilla, que fica praticamente em frente, mas não cheguei a me hospedar nele.

  15. Conheci este método de alugar apartamentos por você mesmo, via VnV, já li muito coisa a respeito e só vejo vantagens, sobretudo, em um local como Buenos Aires, onde se pode tomar um bom café da manhã, por um bom preço.

    Porém, sempre há um porém, concluí­, depois das leituras que fiz, que alugar apê só não é válido para uma lua-de-mel. Sempre há um risco do destino não ser igual as fotos do site, do mofo na parede, mau cheiro ou qualquer coisa acabar sendo uma visita não convidada, ou ainda surgir algum problema fí­sico no apê durante a hospedagem, enfim, achamos que o risco não compensa numa lua-de-mel. Em futuras idas – simplesmente, perfeito.

    Sobre o Design CE, realmente, achei ótimo e temo ficar tendencioso (parcial). A indicação foi do Ric no VnV (fase VT)…

    As fotos, a decoração do hotel e, principalmente, todos os depoimentos no tripadvisior são perfeitos. Não há críticas, chamo-o de “unanimidade – livre de riscos” :). Só é um pouco mais caro, claro!

    Agora, você me assustou 🙁 , você poderia ser mais precisa no seu comentário em dizer que a localização dele é apenas “razoável…” o que são essas reticencias 🙂 ?

    Ok, Bristol FORA – você acertou em cheio: realmente foi a operadora quem me indicou 🙂 . Melhor, pois não estava gostando da decoração e de alguns comentários no trip (quartos velhos).

    PARA FECHAR BUENOS AIRES, qual é a melhor localização dentro da Recoleta?

    URUGUAI – Tinha me esquecido do Asia Rooms, acabei de ver e cotei por US$ 198.00 (duas noites) já economizo US$ 20, vale a pena?! O Asia Rooms é seguro? Vou chegar e está mesmo minha reserva?? Ou é melhor fazer pelo site do hotel mesmo?

    Sobre PUNTA, achei bem legal as fotos do La Capilla, já tinha visto, inclusive, porém achava que sua localização não era boa. Achava que o point de punta é proximo ao Conrad, na pontinha do balneário… Poderia me ajudar na BOA localização de punta…

    OUTRA COISA – já queria ter perguntado o IVA da hospedagem em Buenos Aires é restituí­do ou negociado?

    POR FIM, Tô aguardando a resposta da operadora da minha primeira proposta.

    Valeu mesmo.

  16. Murilo, as reticências são apenas uma antiga mania minha… 😆 (Gosto delas tanto quanto dos travessões!) Veja bem, eu acho a localização do Design CE apenas razoável porque ele está a meio caminho entre o centro e a Recoleta; não quero dizer que a área seja ruim ou perigosa. Você tem a Plaza Marcelo T. de Alvear bem em frente, o que é sempre agradável – mas provavelmente vai precisar de táxi todas as vezes que for sair pra passear, porque não há atrações no entorno… Quando se está na Recoleta propriamente dita, você sai a pé para jantar, para um café… Mas, se vocês já se apaixonaram pelo hotel, não está mais aqui quem falou! Comigo e o Cala di Volpe foi assim… 😉

    Bom, entendo as suas considerações a respeito do apartamento, mas não vejo muita diferença em relação ao hotel, não… Tudo bem, se houver um problema no quarto, você pode pedir para trocar, mas e se o hotel for ruim, barulhento ou velho? E se já estiver pago, incluído em um pacote? Não há jeito da mesma forma…

    Quanto ao Bristol, eu tinha certeza que era sugestão da operadora! Tenho uma amiga que é agente de viagens, e quase tive que implorar por um hotel na Recoleta quando me hospedei lá pela primeira vez! O “clássico e antigo” em Bs.As., principalmente no centro, pode se traduzir por “velho e decadente”, com honrosas exceções (o Claridge, por exemplo…) 😉

    Sobre o Asia Rooms, eu aprovei. Reservei o meu hotel em Colonia com eles, e foi excelente. Precisei inclusive adiar a viagem por 1 mês e eles trocaram a minha reserva sem custo. Mas foi a única vez que usei, então a amostragem é mesmo limitada. De qualquer modo, mande um email para o hotel confirmando o valor, mencione o que viu no Asia Rooms – pode ser que eles cubram a oferta! A Al Uruguay te deu noção de quando teriam um orçamento?

    Acho que eu discordo da maioria a respeito de boa localização em Punta. A maioria prefere mesmo ficar próximo ao Conrad, no iní­cio da Playa Mansa ou na Pení­nsula. Mas eu amei ficar na Brava (o La Capilla fica bem em frente ao San Marcos), a meio caminho entre a Pení­nsula e La Barra e José Ignacio. Como eu estava de carro, chegava rapidamente tanto em um ponto quanto no outro. Mais uma vez, aqui é mesmo uma questão de gosto.

    Por fim, nunca soube de restituição do IVA de hospedagem, não…

  17. Vou aguardar o retorno da Agência de Viagens a respeito dos preços dos hoteis e continuar a bsuca… Por enquanto, aproveita para “pescar” outros hoteis no bairro da Recoleta, a propósito, você tem alguma sugestão de bom hotel no Recoleta?

  18. Carla, dei uma boa olhada hoje em hoteis na Recoleta. na verdade, analisei todos os hotéis presentes na lista do booking.com localizado na recoleta. A conclusão que cheguei é que há muitos (mesmo) com decoração “clássica” (até certo ponto antiga) que, como já te disse, não é do nosso agrado para curtir uma boa lua-de-mel.

    Vi que há alguns aparthotels bacanas, boa decoração, porém sem nenhum serviço de quarto e isto me preocupa. Acho que cai em situação semelhante ao aluguel de apê. Também, só para minha tranquilidade mesntal resolvi ler todas (todas mesmo) reviews no tripadvisor.com e encontrei depoimentos de pessoas que adoraram o hotel inclusive em razão da localização, afirmando ser possí­vel ir andando até a Recoleta, Palermo e outras vizinhanças… Talvez, isto só seja mais complicado à noite e aí­ justificaria o uso do Taxi, como você disse. Mas, gostaria de saber suas considerações a respeito desses novos depoimentos, você concorda, é tranquilo caminhar até a recoleta??

    E, claro – caso tenha surgido ou sabido de alguma sugestão de hotel na recoleta com ares modernos, limpos, organizados, é só mandar…

  19. Carla, não pude deixar de dar outra passadinha no site da rede ibis, agora em Buenos Aires (você deve ter pensado: ” lá vem Murilo novamente com o hotel ibis, 🙂 ), voltei porque temo o custo total, os passeios locais, os espetáculos que desejo aproveitar ao máximo mas temo não dar para pagar…

    Veja só, para o perí­odo entre 12 e 17 de dezembro, sendo 05 noites, minha estadia em Buenos Aires, com café da manhã, sairá por:

    HOTEL IBIS – US$ 350,41
    HOTEL DESIGN CE – U$ 774,40

    OU SEJA, o dobro do valor para ficar, segundo um colega, ou no “centrão de são paulo” ou na “Europa”…

    O que você acha?? a diferença de preço compensa?? Vale a pena?? Não esquecer: “em plena lua-de-mel”…

    Abraços…

  20. Carla, percebi só agora (em casa, tranquilo!!) como escrevi mal estes três ultimos posts. Só justificando: é que eu estava bastante atarefado no trabalho e ainda inventei (a ansiedade não deixa eu parar :?) de bisbilhotar a net para pesquisar sobre hoteis… a medida que encontrava notí­cias jogava rápido aqui, sem maiores filtros. Desculpe-me os equí­vocos e certa incoerência, mas acho que você entendeu minhas indagações…

    Só esclareço que os depoimento (reviews) que li no tripadvisor.com foram a respeito daquele hotel (legal) que tinhamos conversado – aquele “razoavelmente” bem localizado, das reticências… 🙂 – que é próximo a Recoleta, o Design CE…

    Espero ter esclarecido,

    Saudações…

    P.S.: A minha empolgação me incentivou a aprender espanhol, já adquiri até uns “libros”…

  21. Murilo, eu só me hospedei em hotel na Recoleta uma única vez, no Park Elegance Kempinski, que tem o tipo de decoração clássica que não é o que vocês estão buscando. Nesse aspecto, o Design CE vai mesmo ser imbatí­vel.

    Acho que dá pra ir caminhando até a Recoleta, sim, só depende da disposição de vocês. Em Bs.As. você consegue fazer muita coisa a pé, porque a cidade é praticamente toda plana. Só questiono se isso é prático, mas isso é uma questão muito pessoal. Como eu te disse, se fosse comigo, eu alugaria um apartamento, mesmo em lua-de-mel – apenas capricharia na escolha! Mas eu dou muita importância à localização, daí ter te deixado cismado com o meu “razoável”… Não consigo calcular bem quanto tempo de caminhada seria até o Buenos Aires Design, que é um marco fácil de identificar na Recoleta – talvez uns 20 min a meia hora… Já até Palermo eu acho puxado – deve dar quase 1 hora de caminhada, é melhor ir de táxi ou metrô! 😛

    Sobre o Ibis, vou fingir que você nem tocou no assunto, tá? 😆 Explicando: o Ibis de Buenos Aires fica numa área do centro que é distante até mesmo das atrações do centro! Não faz sentido algum se hospedar lá… Se o intuito de vocês é escolher um hotel bacana porque é lua-de-mel, o Ibis deveria ser automaticamente eliminado da lista – nesse caso, eu acho até que valeria mais a pena rever a rejeição à decoração clássica de alguns hotéis que, afinal, ao menos é tí­pica da cidade… (Mas, veja bem, estou falando em “clássico” de verdade, não em “decadente”…)

    Agora, não tenho como te dizer se a diferença de preço realmente compensa, porque nunca me hospedei no Design CE. Intuitivamente, eu acho caro, sim – costumo achar que os hotéis cobram bem mais por design do que vale a pena pagar. Mas isso é uma questão de gosto, apenas – e eu sou mais fã do estilo clássico, tradicional…

  22. Carla e Murilo, permitem uma intromissão na conversa?

    Murilo, acho que vc está achando caro o Design CE porque o preço é bem mais alto do que o Ibis e, mesmo assim, o CE não é perfeito, por causa da localização. Mas vc viu esse aqui: http://www.urbanrecoleta.com/index.html ?

    Eu achei a localização desse hotel excelente, de frente para o cemitério da Recoleta, do lado do Village Recoleta (shopping), lugar ótimo pra caminhar etc, etc, etc. E tem a decoração moderninha que vc parece estar procurando.

    Já simulei uma reserva pro perí­odo que vc quer e tem umas ofertas bem parecidas com esse preço que vc conseguiu pro CE.

    Detalhe: nunca fiquei no Urban, peguei a dica de alguém no VnV…

  23. Wanessa, “intromissões” são muitíssimo bem-vindas! 😉

    Murilo, a localização do Urban Suites é mesmo infinitamente melhor do que a do Design CE, bem no coração da Recoleta!

  24. Afff, Carla, estou louca por uns dias em BsAs! Faz quase um ano q não vou lá (isso depois de ter ido 3 vezes entre 12.2007 e 08.2008)…

    Essa busca de hoteis já pode ser considerada um sintoma, né?

  25. Grande lembrança, Wanessa! Me lembro que a Majô disse que esses hotéis ficavam bem próximos ao flat onde ela se hospedou – e ela ficou na Posadas, que é um endereço excelente!

    Menina, você está mesmo com sintomas de abstinência… Eu também já ando inquieta – estive em Bs.As. em julho do ano passado e não sei quando vou voltar, porque estou naquela fase de me convencer a ir a outros lugares também. Mas triste foi dizer à minha amiga agente de viagens, que ganhou um fim de semana lá (6a. a 2a. agora) que eu não poderia ir com ela por causa da tese – tá me doendo até agora… 😥

  26. Carla, eu até tenho uma bela desculpa pra ir a BsAs depois do meio do ano: um evento de trabalho em Curitiba (o q já me deixa no meio do caminho) que cairá exatamente depois das minhas férias…

    Considerando que eu já conheci um lugar novo esse ano, acho q posso me entregar ao ví­cio sem tanta culpa!

    Será que BsAs tá na sua lista pra depois da tese? Se não, acho q tem de incluir!

  27. Wanessa, estar em Curitiba não é nem desculpa, é uma boa razão!!! 😉

    Eu incluí­ Bs.As. disfarçadamente na listinha… Quero ir à Patagônia, e Bs.As. é uma escala natural, né? Mas talvez ainda dê um jeito de voltar lá esse ano, antes mesmo que eu possa programar a Patagônia… Eu costumo ir todos os anos – se não for, 2009 vai ser um ano atípico!

  28. Carla, todos os anos… espero conseguir igualar essa marca! Adoro BsAs. Além de ser uma viagem “fácil” (já me sinto em casa, mais segura pra ir sem muito planejamento), ainda é um lugar barato para brasileiros, apesar da crise!
    Eu tô achando que vc não vai precisar dessa desculpa patagônica, não…

  29. Wanessa, a verdade é que eu já estou tentadí­ssima… 😉 Se eu conseguir entregar a tese no prazo certinho, final de julho, ainda me sobram uns 10 dias de férias antes do reiní­cio das aulas – já viu o tamanho da tentação, né?

  30. Perdoem-me a demora em responder, é que estava totalmente envolvido em reformas da casa (quem casa quer…) e pense que trabalhão, acabou consumindo todo o meu tempo…

    Wanessa, estava eu aqui decidindo pela decoração do hotel Design CE, mas com a “localização razoável” e “as reticências” de Carla atrás da minha orelha, me incomodando, me inquietando…

    Aí­ chega você, aqui, toda preocupada, cautelosa e apresenta o Urban Suites. E qual a avaliação da Carla desta vez? “a localização… é mesmo infinitamente melhor do que a do Design CE” e ainda acrescenta: “bem no coração da Recoleta” fechando com um belo “!”, nada de reticências. Que alí­vio!

    Quando eu acessei o site do hotel, vi os quartos, vi os valores, mostrei a minha noiva, pimba!, perfeito!… superei o encanto do Design CE e já trabalho agora com o Urban Suites.

    Cheguei ainda a olhar o Ulisses, mas preferimos o Urban, o que vocês acham?.

    Agora, você disse que descobriu a dica no VnV, você lembra exatamente onde? Se não souber tudo bem. Já fui ao Trip Advisor e li os comentários sobre o Hotel e todos são unânimes em firmar a excelente qualidade do Urban Suites.

    Wanessa, por fim, só tenho duas coisas a te dizer: muito obrigado mesmo e por favor se intrometa mais, preciso de intromissões…

    CARLA, agora posso ficar em paz, né?
    Pretendo fechar tudo esta semana, pois já recebi o retorno da Agência de Viagens e adivinha? alguns valores estão “infinitamente” superior àqueles encontrados no próprio site do hotel… Fiquei surpreso! Achava que ao menos a Agência me apresentaria algo próximo ao valor do Hotel…

    Diante desta realidade vou fechar tudo, ou quase tudo, sozinho pelo site do hotel ou sites como Asia Rooms, Booking…

    Pretendo fazer tudo por estes dias, até sexta, e como sempre, conto com seus importantíssimos helps…

    Abraços.

  31. Murilo, estou rindo muito com a sua preocupação com as minhas reticências… 😆 (Olha as danadas aí­ de novo!)

    Sobre o Urban e o Ulises – ambos são muito bem localizados, não se preocupe! O Ulises fica em uma rua mais tranqüila, o Urban mais no agito; para uma primeira vez na cidade, eu acredito que o Urban esteja em um local mais prático. Enfim, pode ficar em paz, sim! 😉 (Te sugiro ir fazer um passeio um dia até o Design CE – só pra entender na prática as minhas reticências… Que tal? É uma caminhada interessante!)

    De resto, a cada dia eu estou mais convencida de que as agências de viagens estão extrapolando nos preços dos hotéis… Eu até pergunto, mas dificilmente fecho alguma coisa, porque acaba valendo mais a pena fazer tudo por conta própria. Apresentar valores superiores aos do próprio site do hotel, então, é o fim da picada!!!

  32. Murilo, que bom que vc gostou da minha sugestão! . O Ulises também me parece um ótimo hotel, mas, lendo seus comentários, acho mesmo que o Urban é ideal pra vcs.

    Eu não me lembro exatamente onde no VnV li essa dica, mas foi a Ana Cláudia que passou. Se vc está em busca de opiniões sobre o hotel, acho q não vai encontrar lá no VnV. É que peguei o nome quando a Ana ainda estava planejando a viagem, e ela acabou ficando nesse outro hotel aqui, que tem uma faixa de preço superior (www.casasurhotel.com). Vc tb gostaria dele! Recentemente, ela deixou um comentário sobre a viagem em um dos posts do VnV, talvez vc consiga encontrar.

    Também acho os preços das agências caríssimos, nunca fecho hotéis com elas. Ou reservo em consolidadores, como booking e venere, ou direto com os hotéis.

    Carla, acho que vc vai apressar essa tese só para não quebrar a tradição de ir a BsAs todo ano…

  33. Wanessa, pior é que eu estou cismada com isso desde o nosso papo lá no post do Riq no VnV… Você conhece os sintomas, né? Vai dando uma agonia… 😉

  34. CARLA sobre sua pergunta a respeito do hotel de Punta, curiosamente, a Agência me apresentou o valor do Days Inn bem atrativo (o único!) e por isso acho que vou ficar nele mesmo… Espero fazer logo a proposta completa para saber a opinião de vocês, o meu problema é só o tempo…

  35. WANESSA, acabei de ber o hotel casasurhotel mas o preço dele é realmente mais caro, daí­ é melhor o Urban mesmo.
    Sobre as agências realmente me surpreendi…
    Abraços…

  36. Oi Carla, este fim-de-semana espero fechar tudo.
    Dei uma olhada na post do Ric, sobre Buenos Aires, li seus comentários, servem para mim também né, ou seja, PALERMO, em lua-de-mel, não!, certo?

    Estou muito ansioso em fechar minhas estadias, pretendo fazer isto este Final de semana… Espero na segunda estar aqui a notí­cia que fechei tudo…

    Abraços…

  37. Murilo, a verdade é que eu não sou a pessoa mais indicada para falar de Palermo, não… Sou a voz discordante, sabe? Quase todo mundo é apaixonado pelo bairro e eu não vejo muita graça… Mas acho que é preciso ir até lá e passear, caminhar pelas ruas e decidir se vocês gostam ou não. Eu amo a parte de Palermo onde ficam os parques – o Jardín Japonés, o Rosedal… mas não curto ficar xeretando lojinhas, o ponto forte do bairro, na minha opinião.

    Mas não sou radical. Vejo assim: Palermo é um bairro meio fora de mão para se hospedar numa primeira vez em Bs.As., seja em lua-de-mel ou não. Por outro lado, é inegável que os melhores restaurantes da cidade estão lá, então vale planejar alguns almoços e/ou jantares no bairro, especialmente em lua-de-mel…

    Esse é um outro motivo por que gosto tanto de me hospedar na Recoleta – a localização a meio caminho entre o centro e Palermo. Você vai estar bem localizado tanto para turistar ao longo do dia quanto para sair para um jantarzinho em Palermo à noite.

  38. Murilo, estou com a Carla: a melhor hospedagem é sempre na Recoleta. Acho Palermo meio distante para se fazer passeios em outras partes da cidade e imagino que quem fica lá acaba ficando muito tempo só lá mesmo. Mas tem de ir passar um tempo em Palermo, conhecer alguns restaurantes (o meu preferido para jantar por lá foi o Casa Cruz), olhar algumas lojinhas e livrarias.

    Carla, já fechou a data da viagem? Eu fiquei meio na dúvida depois daquela conversa lá no VnV sobre o aluguel de apto viajando sozinha, acho que vou acabar ficando menos tempo do q estava pensando.

  39. Hahaha… 😆 Wanessa, aqueles papos “porteños” no VnV me deixaram tão tentada que estou pensando seriamente em uma semaninha em Bs.As. entre o prazo final para entregar a tese e o início do semestre letivo, ou seja, a primeira semana de agosto. Mas por enquanto estou apenas pensando, porque não posso tomar providências enquanto a data da defesa não estiver sacramentada… 😉

  40. CARLA e WANESSA preciso corrigir um comentário que fiz a respeito do custo elevado do pacote de turismo. Afirmei, inclusive, que estava mais caro do que o site do próprio Hotel. Fui injusto com a Agência 🙁 – Reconheço minha Inexperiência…

    Ontem, fui comparar os valores e percebi que o valor da diária do hotel é mais baixo do que o da Agência antes de incluir o IVA. Após o imposto, o valor final da Agência de Turismo fica mais baixo do que o cotado pelo site do hotel.

    Após analisar cuidadosamente tudo conclui que é mais vantajoso para mim fechar TODAS as estadias pela agência. Fiquei surpreso, mas é isto mesmo.

    Também solicitei um orçamento do hotel Urban Recoleta Suites, para Buenos Aires…

    Os valores finais ficaram assim, serão os que irei fechar (aí­ dá tempo para opiniões):

    **TODOS OS VALORES PARA CASAL**

    Hotel Posada Del Virrey – COLONIA
    1 noite por US$ 104,00

    Hotel Cala di Volpe Boutique – MONTEVIDEU
    02 noites por US$ 272,00

    Hotel Days Inn Brava – PUNTA
    02 noites por US$ 184,00

    ATÉ AGORA O CUSTO DESSAS ESTADIAS É DE: US$ 560,00.
    A ESTADIA EM BUENOS AIRES NÃO PASSARÁ DE US$ 860,00, pois é este o preço das 05 noites no Hotel Urban Recoleta.
    Assim, o custo total das estadias ficará em, NO MÁXIMO, US$ 1.420,00.

    CONSIDERANDO SER EM LUA-DE-MEL, O QUE VOCÊS ACHAM???

  41. Aproveito para saber de vocês suas avaliações a respeito do custo total do aéreo:

    RECIFE/POA
    POA/BUENOS AIRES
    MONTEVIDEU/RECIFE

    Ou seja, três trechos no valor:
    por pessoa: US$ 645,00 (US$ 215,00 por trecho)
    para o casal por US$ 1.290,00 (US$ 430,00 por trecho)

    Em reais, no dólar a 2,00 reais temos

    por pessoa: R$ 1.290,00 (R$ 430,00 por trecho)
    para o casal por R$ 2.580,00 (R$ 860,00 por trecho)

    O QUE VOCÊS ACHAM??

  42. Murilo, no geral, o custo-benefí­cio me pareceu excelente!!! 😀

    Apenas fiquei com uma dúvida: a Al Uruguay chegou a te responder com o orçamento para o Cala di Volpe? E você chegou a ver no Asia Rooms? Estou conferindo só porque não me lembro desses detalhes, e são duas fontes de ótimos preços que eu sempre confiro antes de fechar diretamente com o hotel ou com agência de viagens…

  43. Murilo, a Bancorbrás tem convênio com o Cala di Volpi, usei na minha viagem (roteiro by Carla) em janeiro de 2008, sensacional, café da manhã de primeira qualidade, tudo maravilhoso. Em Punta fiquei no Days in Mansa, bem fraquinho, quartos minúsculos, banheiro 3 em 1 (aquele que você escova os dentes e toma banho, enquanto usa o sanitário). Os hotéis conveniados da Bancorbrás em Buenos Aires não valem a pena, todos muito fracos. Aluguel em lua de mel, nem pensar. Hotel e com charme, se couber no orçamento. Dica recente de hotel em BsAs, lá do VnV: Vain Universe – Encantador
    * Visão geral do hotel e atendimento:
    O hotel é aconchegante, bem localizado e limpo. O staff é extremamente prestativo e simpático. O café da manhã é ótimo, com três opções de menu que podem ser combinadas – tudo servido fresco, ao ser pedido. Dá até saudades dos ovos mexidos, das frutas arrumadinhas, dos vários tipos de cafés e das ‘media-lunas’ besuntadas em ‘dulce de leche’. A área comum é ótima, contando, além da área do café (onde se servem pequenos lanches durante o dia), com um sótão muito aconchegante, com tv, computador/internet e uma pequena biblioteca.
    outros comentários o problema do barulho será em breve solucionado.
    * Custo x benefício: por conta de uma oferta no site hoteis.com (que é parceiro do expedia.com) três noites custaram o preço de duas: 287 dólares com impostos e taxas. Se soubesse que a relação seria tão boa e que o hotel superaria minhas expectativas, acho que teria esticado mais umas duas noites por lá (afinal, sempre há muito o que fazer em Buenos Aires).
    * Em suma, nossa estadia foi tão boa que eu e meu marido mudamos a ideia inicial, de pegar o primeiro buquebus do dia para ir ao Uruguai, por outro, um pouco mais tarde, para podermos fazer com calma nosso check out. Para quem consiga lidar com um pouco (bem pouco) de barulho eu definitivamente recomendo este hotel.
    Dá uma olhada e vê se agrada.

  44. OI CARLA, adorei o excelente seguido de exclamações!!!! Vou te confessar: temia as reticências…

    E sobre as dicas da Rosa (hotel Vain Universe), você viu a localização??

    Sobre o Asia e o Aluruguay, infelizmente, eles não tinham valores para este período. Mas eu espero, que a economia não seja tão grande, aí eu me tranquilizo (compenso) com a conveniência e ainda mais segurança de contratar tudo (ou quase) pela agência de turismo.

    OLÁ ROSA, que bom ter suas opiniões novamente…

    Sobre a Bancorbrás, foi bom saber que o Cala di opera, mas pretendo utilizar as minhas 07 diárias para o perí­odo em POA (1 noite) e GRAMADO (05 Noites). As diárias neste perí­odo em Gramado ficam EXAGERADAMENTE elevadas. Acredito, não tenho certeza, que a diária do Cala di sairá mais barato do que o hotel que pretendo ficar em Gramado, caso eu pagasse por fora o hotel.

    Outro detalhe do Bancorbrás, que você já pode me orientar, é que para estadias internacionais tem uma taxa-extra de conversão em dólar. Tenho dúvidas, pois sou novato no Bancorbras (não tenho nem um mês).

    Vou pesquisar sobre sua dica a respeito do hotel Vain Universe. Você já ouviu falar na dica de Wanessa: http://www.ulisesrecoleta.com.ar/esp/.

  45. Murilo, eu tinha certeza que você ia comentar sobre as exclamações… 😆 Quais são os dias em que vocês vão estar em Montevidéu? Simulei uma data qualquer para dezembro hoje no Asia Rooms e achei a tarifa mais baixa do que a que você conseguiu, mas não sei se vocês vão estar por lá no Natal ou no Ano Novo, quando a tarifa certamente seria outra…

    Rosa, você esqueceu de dizer ao Murilo que o Vain Universe fica em Palermo, que não é a melhor opção de localização para quem está indo à cidade pela primeira vez… E, discordando um pouquinho de você, eu acho que o apartamento alugado pode ser uma ótima opção para lua-de-mel, sim – desde que seja escolhido a dedo, claro! Há apartamentos infinitamente mais transados do que muito hotel em Bs.As… 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *